Fala Kaio... | Futebol Americano: Gostar ou Não Gostar?

Inspirado pela serie documental Last Chance U, resolvi dialogar comigo mesmo e com vocês sobre o esporte mais lucrativo e assistido dos Estados Unidos, o FUTEBOL AMERICANO.



Last Change U foi lançada agora no mês de Julho e retrata o dia-a-dia de um grupo de alunos/atletas da  East Mississippi Community College que enfrentam muito mais que seus adversário dentro de campo para se tornar astros do esporte.
A NFL, mais precisamente o Super Bowl é um fenômeno de audiência, batendo cerca de 111,9 milhões de espectadores e lucrando cerca de 620 MILHÕES DE DÓLARES em seu jogo final, ou seja, para algo chegar a esse nível de retorno, um alto investimento em todos os setores estão sendo feitos a muito tempo, e isso é o ponto chave da série.




Porem, de alguns anos para cá, o esporte vem sofrendo contestações por parte dos médicos e até mesmo dos próprios jogadores. Intermináveis casos de doenças degenerativas cognitivas estão sendo relacionadas com as também intermináveis lesões na cabeça sofridas nos jogos.
Por isso quero propor uma discussão entre  pessoas defensoras dos dois lados, por favor "guys" , se apresentem,
_______________________________________________________________
Olá, me chamo Verdana e quero expor as verdades desse esporte.
_______________________________________________________________



______________________________________________________________
Como vão? Sou Courrier e vou te ensinar a gostar de American Football.
_______________________________________________________________




Bom galera eu, Kaio Guimarães, me retiro por um momento e deixo vocês com essa discussão interessante.



-----------------------------------------------------------


_______________________________________________________________
Quero começar meu ponto de vista ensinando um pouco da filosofia desse esporte. O Futebol americano, mais do que um esporte, é um material representativo da historia dos Estados Unidos, semelhante a um campo de batalha na Guerra da Independência , onde os dois exércitos lutam bravamente para conquistar um unica jarda de vantagem. Assistir e prestigiar esse esporte é quase como homenagear nossos bravos soldados que tornaram nosso pais a potencia que é hoje.
_______________________________________________________________


_______________________________________________________________
Tudo bem, Sr "Material representativo da história", mas é importante pensar que este pais é o causador dos maiores ataques a outras nações que não necessariamente são culpados por seus "crimes" e que essa exaltação a guerra é uma das maiores razões pelos americanos apoiarem tais atitudes.
_______________________________________________________________


_______________________________________________________________
Guerra, por mais que seja completamente ruim, traz alguns ensinamentos importantes como o valor de uma boa liderança, confiar em sua equipe e acima de tudo SEJA ESTRATÉGICO. O futebol hoje em dia mais exalta esses princípios para nossas crianças do que a guerra em si.
_______________________________________________________________



_______________________________________________________________
Que bom que você mencionou nossas crianças, o que vamos dizer sobre os milhares de casos onde os jovens são brutalmente ofendidos por um técnico que não tem a mínima noção de respeito? Ou então das intermináveis concussões em crianças de no máximo 13 anos? O Futebol está em tão alto nível que as categorias de bases tem a funcionalidade mental de adultos de 40 anos, e isso não é no lado positivo, estou falando até mesmo em perca de memória.

_______________________________________________________________


_______________________________________________________________
Isso não é culpa do esporte, mas sim de pais descontrolados que colocam seus sonhos acima dos sonhos de suas crianças. Mas sabe por que eles estão tão desesperados atrás se tonar astro da NFL? Mais do que fama, o Football trás esperança de uma condição mais digna para todos os seus jogadores, todo o esforço feito durante uma vida pode ser recompensado de maneiras inimagináveis.
_______________________________________________________________



_______________________________________________________________
Do que adianta prover melhoras em sua vida que vai ser reduzida pela metade? Será que esse esforço todo para conseguir uma vida melhor não está pagando somente os tratamentos que os atletas vão ter quando forem mais velhos? Até onde 5 anos de fama compensa 5 anos de sofrimento por causa de doenças degenerativas?

_______________________________________________________________



Bom pessoal, obrigado por darem suas opiniões nesse texto aqui, acho que conseguimos expor uma pequena parte dessa imensa discussão que pode ser aplicada á muitos outros esportes de alto nível.




-----------------------------------------------------------

A minha intenão é fazer você, caro leitor, ter uma noção dos argumentos que permeiam essa conversa. É claro que não inventei essas opiniões, na verdade elas são um pequeno agrupado de diversos discursos de pessoas pró e contra, mas quero que você questione e descubra outros fatos e apresenta-as nos comentários.
Um algo a mais a essa discussão ,e que foi comentado pelo Courrier, são os pais que colocam seus sonhos esportivos dentro da cabeça de seus filhos. Pretendo continuar essa conversa com vocês em outro texto mas deixo aqui o trailer de um documentário que irá te ajudar a buscar fatos.





Não se esqueçam de assistir Last Chance U e responder nos comentários: Futebol Americano: Gostar ou Não Gostar???

Me sigam no Twitter : @NF_Kaio, e até o próximo texto do Fala Kaio...