Wanna be a Wonder Woman | Prazer, eu sou a Gabi

Oi, tudo bem?

Prazer, eu sou a Gabriela, mas vamos combinar uma coisinha? Me chamem de Gabi!
Vamos lá...
Sou formada em Linguística e, atualmente, faço mestrado em Linguística Computacional, ou seja, sou de humanas. Mas, não queria viver só de vendas das minhas miçangas na praia e fui ensinar o computador a processar a linguagem humana (quando conseguir aviso vocês – mas pode demorar uns cem anos, tá?).

“Mas então, como você veio parar aqui?”

Bom, em uma conversa com um dos “sócios” (o Daniel Mariolo... Valeu, migo!) do blog, surgiu uma conversa sobre a importância de discussões sobre a vida das mulheres neste mundão do cão. Conversa vai, conversa vem, ele me propôs uma coluna semanal para falar sobre assuntos destinado ao público feminino do site.
Não vou ensinar a fazer aquelas super maquiagens e muito menos postar o look do dia. Também não vou falar sobre as mulheres gamers, jogos e afins por motivos de: não sei nada sobre (mas já fica a dica pras meninas sabidas do assunto: convoco-as e vamos colaborar com a amiguinha e somar sempre <3).

“Miga, então você vai problematizar e fazer textão falando de feminismo?”

Não tenho uma pauta específica sobre o que falar. Quero apenas dividir situações cotidianas minhas e de outras mulheres... E de homens, também. Mas, quero mostrar, sempre que possível, que nós mulheres podemos ser o que quiser e conquistar diversos espaços da sociedade e que ninguém mais pode dizer o que podemos fazer ou não. Afinal, lugar de mulher é onde ela quiser, rapá!



Pretendo estar com vocês e publicar meus textos às quartas de manhã, mas sabe como a vida de pós-graduação não é fácil e já adianto a todos e todas: vou atrasar.

Espero que sintam-se com vontade de serem meus amigos e bem-vindas e bem-vindos ao meu mundo.